Poderá Fernandinho trazer essa mentalidade de campeão ao Athletico Paranaense?

Após nove anos no Etihad, conquistando cinco títulos da Premier League inglesa, seis Taças EFL e uma FA Cup, o tempo de Fernandinho no Manchester City chegou ao fim – o que significa que um terceiro empregado de longa data deixou o clube depois de Vincent Kompany e Sergio Agüero terem partido nos últimos anos. 

O meio-campista brasileiro deu a conhecer as suas intenções de partir no final do seu contrato este Inverno, em Abril, uma decisão que parece ter tomado Pep Guardiola por choque, uma vez que ele afirmou não ter conhecimento quando questionado pelos meios de comunicação social numa conferência de imprensa, e o jogador de 37 anos tem estado ligado a um regresso à sua terra natal, o Brasil, desde então.

E parece ser apenas uma questão de tempo até que ele ponha a caneta no papel num regresso ao Athletico Paranaense, selando um regresso à Arena da Baixada 17 anos depois de ter partido de Curitiba para Shakhtar Donetsk na Ucrânia, em 2005. E com o Athletico-PR a desafiar nos trechos superiores da Série A cerca de um terço do caminho para a campanha de 2022, Fernandinho poderia ajudar a fazer o Furacão nos mercados para todos os jogos de amanhã.

O ex-capitão do Manchester City desenvolveu sem dúvida uma mentalidade de campeão durante a sua estadia de 17 anos na Europa. Para além da sua lucrativa medalha de prata em Inglaterra, ganhou seis Ligas da Ucrânia, quatro Taças Ucranianas e uma Taça UEFA com o Shakhtar e com o Athletico-PR não tendo ganho a Série A desde a sua primeira vitória em 2001, alguém com jeito para ganhar talheres de prata poderia ser exactamente o que precisa. 

Após um mau início de temporada sob o comando de Fábio Carille, perdendo três dos seus quatro jogos iniciais da liga, o jogador de 48 anos deixou o clube por mútuo consentimento e o treinador campeão do mundo Luiz Felipe Scolari foi contratado como director técnico enquanto desempenhava também as funções de treinador principal. 

Os resultados rapidamente se viraram a favor do Furacão, com duas vitórias na Copa Libertadores confirmando a sua progressão para as oitavas-de-final, enquanto também subiram de 16º para 5º na Série A – fechando a diferença no Palmeiras no topo da tabela para apenas cinco pontos, mas dada a dos homens de Abel Ferreira, será difícil apanhá-los. 

Com apenas uma derrota no campeonato desde que Felipe Scolari chegou no início de Maio, eles ainda têm bom aspecto na apostas na Betfair e com a experiência do treinador de 73 anos, que parece ter gerido clubes ou países nos quatro cantos do globo nos últimos 40 anos, combinado com a experiência de Fernandinho há razões para acreditar que o Athletico-PR pode realmente conseguir algo nesta temporada. 

Nunca tendo vencido a Copa Libertadores da América, o treinador vai querer passar pela Libertad do Paraguai nas oitavas-de-final, o que poderá criar um confronto entre todos os brasileiros e Fortaleza, se passar pelo Estudiantes, da Argentina. 

Mas qualquer esperança de realmente ganhar a competição da primeira taça da América do Sul é talvez um pouco rebuscada dada a qualidade de jogadores como Palmeiras, Atlético Mineiro, Flamengo e os gigantes argentinos da Primera División River Plate. 

Ganhar a liga também parece ser ambicioso, mas se eles conseguirem desafiar para um lugar entre os quatro primeiros, então ainda seria certamente um bom resultado para o Athletico-PR, pois é um feito que eles não alcançam desde 2013 – quando terminaram em terceiro lugar atrás do Grêmio e do vencedor Cruzeiro, que são ambos agora equipas da Série B.

Mas ter pessoas como Fernandinho por perto no camarim vai fazer a diferença, pelo que mais cedo ele assina para o Furacão e é integrado no lado por Felipe Scolari ainda melhor.  

Compartilhe isso:

TV MRNews Não perca também:

Fonte: mrnews.com.br/index.php/2022/06/14/podera-fernandinho-trazer-essa-mentalidade-de-campeao-ao-athletico-paranaense

                   
%d blogueiros gostam disto: