Após barco afundar, crianças são encontradas agarradas ao corpo da mãe: 'MILAGRE'

Após barco afundar, crianças são encontradas agarradas ao corpo da mãe: 'MILAGRE'

Setembro 26, 2021 Não Por Reis. Hugo

Infelizmente, uma viagem à ilha La Tortuga organizada pela família não terminou bem depois de um naufrágio no mar e antes mesmo de chegar à ilha. Havia 9 pessoas a bordo, no entanto, apenas três sobreviveram.

A mãe de 40 anos, Mariely Chacon, conseguiu salvar seus dois filhos pequenos. Durante os quatro dias que passaram no naufrágio, ela cuidou de José David e Maria Beatrice Chacon.

Os dois sobrevivente e mais uma babá flutuavam em uma pequena embarcação que estava dentro do barco maior, acompanhado com os outros naufrágios.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Noticia

Duas crianças foram resgatadas depois de serem encontradas agarradas à mãe morta – que salvou suas vidas bebendo sua própria urina para que pudesse amamentá-las depois que saíram para o mar.

Mariely Chacón estava a bordo do barco Thor em 3 de setembro com seu filho de 6 anos e a filha de 2 anos, seu marido e sua babá, para um cruzeiro de prazer no Caribe quando ocorreu o desastre.

Durante uma viagem à desabitada Ilha Tortuga, uma onda atingiu o barco e quebrou seu casco.

O grupo foi então dividido e passou quatro dias à deriva em um barco salva-vidas sob o sol quente, relatou o New York Post.

Durante um cruzeiro, uma onda rasgou o casco do barco e forçou uma família a sobreviver nos botes salva-vidas. Foto / Marítimo Nacional da Venezuela Durante um cruzeiro, uma onda rasgou o casco do barco e forçou uma família a sobreviver nos botes salva-vidas. Foto / Marítimo Nacional da Venezuela Segundo o relatório, a mãe venezuelana decidiu que a única maneira de manter seus filhos vivos era beber sua própria urina, o que lhe permitiu amamentá-los durante sua provação de quatro dias.

Depois de quatro dias, a equipe de resgate finalmente descobriu os sobreviventes, incluindo as crianças e a babá.

A babá foi encontrada agachada em uma geladeira vazia para escapar das altas temperaturas.

As equipes de resgate encontraram as crianças agarradas ao corpo da mãe.

Eles foram tratados para desidratação e queimaduras de primeiro grau.

As outras cinco pessoas a bordo do navio, incluindo o pai, não foram encontradas de acordo com a Newsweek.

Chacón sofreu falência de órgãos devido à depleção de eletrólitos causada pela desidratação, que foi possivelmente acelerada por sua amamentação, disse uma fonte da medicina legal ao La República, segundo a revista.

“A mãe que morreu mantinha seus filhos vivos amamentando-os e bebendo sua própria urina”, disse um porta-voz da Autoridade Marítima Nacional da Venezuela, INEA.

“Ela morreu três ou quatro horas antes do resgate da desidratação, depois de não beber água por três dias.”

O funeral de Chacón foi transmitido no YouTube.

Milhares prestaram homenagem a seu ato heróico que salvou seus dois filhos.

“A Virgem de Coromoto está assistindo Mariely Chacón Marroquin em Caracas. Descanse em paz”, tuitou a jornalista Laura Castellanos em espanhol, informou a Newsweek.

Outro usuário escreveu: “Não tive o privilégio de te conhecer. Seus últimos dias de vida falam muito sobre o que estava em seu lindo coração, você é um ser de luz na eternidade”.

Compartilhe isso:

TV MRNews Não perca também:

Fonte: mrnews.com.br/index.php/2021/09/26/apos-barco-afundar-criancas-sao-encontradas-agarradas-ao-corpo-da-mae-milagre